11/06/2014

ISTO PROMETE

“Três estações e depois mudamos de linha”, avisei ao grupo enquanto descíamos as íngremes escadas rolantes que nos levaram às profundezas dessa colorida Moscovo debaixo de terra.

Da linha amarela passámos para a castanha, a circular - e pouco depois estávamos a emergir novamente, o céu azul carregado de cinzento, mulheres loiras com unhas e lábios vermelhos, homens fardados, publicidade aos copos do Ronaldo, um carro de alta cilindrada a deixar um rasto de música pop americana, “hit me baby one more time”.

Mochilas às costas, sacos das compras nas mãos, sorrisos no olhar. Estamos quase.

Chegámos à estação de Kazanskiy uma hora antes daquela marcada no bilhete. Poisámos toda a bagagem na gare, dei meia hora ao grupo para explorar a estação, comer qualquer coisa, relaxar. Eu fiquei a tomar conta das coisas.


Pouco antes da uma, já com a plataforma anunciada no painel electrónico e as mochilas novamente às costas, fomos à procura da nossa carruagem.

13:10


Estamos prestes a arrancar.

Destino: Irkutsk, a chamada Paris da Sibéria, com vista para o lago Baikal. Mas antes fazemos uma paragem técnica em Novosibirsk, para esticar as pernas e recuperar energias. São quatro dias e quatro noites, ao todo.

Pouca-terra, pouca-terra. Bem vindos à linha Transiberiana.

(É bom estar de volta, penso para os meus botões.)

Lá fora, o céu cinzento e a temperatura não prometem grande semana, para aqueles que ficam. O comboio avança devagar - e devagar cumprimos o primeiro de quase oito mil quilómetros. Quando pararmos daqui a quatro dias, a três fusos horários de Moscovo, bem no coração da Sibéria, teremos atravessado uma distância enorme não só no mapa, mas também nas nossas colecções de memórias e vivências. A ver vamos, o que nos reserva a meteorologia no lago Baikal.

Dentro do comboio reina um ambiente fantástico. A provodnitsa Tatiana (a senhora responsável pela nossa carruagem) é uma simpatia. Começam a ensaiar-se as dinâmicas que vão dar ritmo a esta aventura.

Isto promete :)

2 comentários:

Clara Amorim disse...

E a Natasha? Tens sabido notícias dela? ;) ;) ;)

Joaninha disse...

boa viagem!!!!!