05/06/2014

A EMBAIXADA MAIS DESPACHADA DO UNIVERSO

Tal como já tinha mencionado, a Embaixada da Mongólia em Moscovo foi de uma rapidez inacreditável, ontem, na emissão do meu visto.

Cheguei e pedi o "application form", que preenchi como tinha de ser. Juntei uma fotografia e entreguei com o passaporte, ao que a senhora me pediu uma carta-convite ou uma reserva de hotel. Eu não tinha uma nem outra, mas tinha os mails que troquei com o meu contacto de Ulaanbataar, relativos à reserva de hotel para o grupo que vou acompanhar. Disponibilizei-me para os imprimir e voltar mais tarde... mas a senhora sorriu-me e disse:

"Espere só um bocadinho."

Retirou-se por momentos, achei que tinha ido pedir autorização para avançar com o processo sem o dito convite. E dois minutos depois, a senhora aparece de novo à janela e estende-me o passaporte:

"São cem dólares, se faz favor."

Mais rápido, impossível.


3 comentários:

Clara Amorim disse...

Caso para dizer, pedido e feito!!!

Anónimo disse...

Fosse sempre assim e as coisas funcionavam muito melhor não é?

Joaninha disse...

mais rápido que ir á casa de banho!