10/01/2011

BAGAN!



Durante o processo de selecção das fotografias que publiquei ao longo da semana passada, vivi vários momentos de nostalgia – mas nada bateu as saudades que tive do meu “país-estrela” de 2010, a Birmânia.

Resolvi, por isso, dedicar os próximos posts a este país: publicando mais fotos, partilhando algumas histórias, curiosidades, peripécias.







Começo hoje com uma breve apresentação de Bagan, um lugar que me deixou literalmente boquiaberto.

Imaginem dois mil e quinhentos templos, stupas e ruínas budistas espalhados numa planície de apenas 40km2.





Isso mesmo: dois mil e quinhentos – e se escrevi por extenso, foi para não haver qualquer hipótese de enganos. A sério: não há lugar no mundo que bata este número. Aliás: dizem os entendidos que chegaram a ser treze mil, os templos em Bagan. Mas fiquemos pelos dois mil e quinhentos que sobram – são mais do que suficientes para nos deixar sem palavras durante muito tempo.





A maioria dos templos foi construída entre os séculos XI e XIII, no tempo em que Bagan era a capital do 1º Império Birmanês. A cidade foi o principal centro de estudos budistas do Império, atraindo estudantes de lugares como a Índia, Ceilão (Sri Lanka) ou Sião (Tailândia). No final do século XIII, foi conquistada pelos Mongóis, saqueada e posteriormente abandonada.

Marco Pólo foi apenas um dos viajantes a apaixonar-se por Bagan. Os relatos sucedem-se ao longo dos séculos, e hoje a internet está cheia de fotografias e histórias de deslumbre e adjectivos pomposos – é, sem dúvida, um dos lugares mais fascinantes do planeta.



















6 comentários:

João Almeida disse...

Estou a pensar dar um pulo a essas paragens este ano, vou deixar este post bem por perto

Lya disse...

Também gostei muito de Myanmar que visitei em 2010 na minha 'Viagem Incógnita'. Infelizmente não captei imagens como estas que estão simplesmente fantásticas. Parabéns!

LV disse...

Parece que vou ter de ir até à Birmânia. É de facto um país lindissimo !!!

Francisca disse...

Absolutely amazing & shön George!!
Quero MESMO MUITO conhecer o Oriente, fiquei fascinada com estas imagens da Birmânia e com o que contas.. tens que me mostrar tudo um dia!! :)
Bjs e parabéns, o blog continua um espectáculooo!!!

Anónimo disse...

Que espectáculo!!!!!!!
Bjs

Sandra disse...

Pronto,convenceste-me... tenho de ir à Birmânia! Que paisagens!