14/07/2010

CORES DE ISTAMBUL

Istambul é, como qualquer cidade, feita de pessoas e arquitectura, jardins e céu, cheiros e cores, música, olhares, sons e sensações.

O que a diferencia de tantas outras, no entanto, é a improvável conjugação das partes. É a "pinta" com que co-existem, a mística com que se abraçam e entrelaçam. A voz de Amália numa discoteca de Taksim a competir com o chamamento à oração de uma mesquita. O eléctrico a apitar, assustando pombos que levantam voo, por entre o fumo de uma banca de doner kebab. Umulher de cabeça coberta e rosto tapado, de patos Prada e carteira D&G, a espreitar as capas de revistas côr-de-rosa. Os minaretes cinzentos a rasgar o céu azul, o cheiro a especiarias e tubo de escape, a bandeira a constrastar com tudo o que faz de fundo.

Não resisto: hoje deixo aqui algumas fotos das cores da cidade. Enjoy!









5 comentários:

Inês disse...

A descrição, as cores das fotos remontam-me ás memórias do cheiro da cidade quando o senti pela 1ª vez. É optimo "ver" retratada assim aquela que considero a minha cidade de sempre.

InÊs

OmCIII disse...

Da vontade de ir a Turquia..

Jorge disse...

Toninho, tu deslarga-me que ainda agora li um post teu a falar de dragoes de komodo... e da-te vontade de ir ah turquia? ou entao tas tipo eu, o maior invejoso de viagens que existe. Eu eh que ia ter contigo ah Indonesia, com mt gosto. Ja tenho saudades dos nossos encontros pelo mundo fora. Mas ja dizem os nossos amigos: saab kutch milega!

Jorge disse...

Ines: Istanbul eh, sem duvida, tb uma das minhas cidades de sempre. Em breve devo ter mais historias e fotos, porque volto pra la na proxima semana.

Bruno Figueiredo disse...

!Belas cores!Forte...