01/06/2015

THE BRIGHT SIDE

Acredito que o Universo tem formas muito criativas de nos enviar mensagens. Que devemos estar atentos ao que nos rodeia, de olhos e braços abertos, para ler os sinais e reagir de uma forma construtiva.

No "auge" de uma das situações mais stressantes da semana - a repentina avaria da minha vespa -, fomos abordados por uma espécie de anjo caído do céu, um engenheiro sorridente que percebia "destas coisas" e que parou o carro ao nosso lado e ofereceu-se para ajudar. Bem... "ofereceu" é subestimar a forma como ele nos abordou. Enfim. A verdade é que acabou por não resolver nada, coitado - pelo menos a nível da mecânica. E bem que tentou. Mas fez os contactos possíveis, levou-me de carro a uma aldeia, trouxe um mecânico e este sim, safou o que tinha de ser safado.

Contudo, não é do mecânico nem do engenheiro sorridente nem da minha mota que trata este post. É do rapaz que vinha com o engenheiro no carro. Melhor: é da t-shirt que trazia vestida o rapaz que vinha com o engenheiro no carro.

Quando eu, já irritado e cansado, escorria ganges de suor e quase-lágrimas, empurrando a mota debaixo de um calor que matou dois mil, aparece então o tal carro branco com o engenheiro sorridente e o amigo de t-shirt azul:

O Universo tem formas muito criativas de nos enviar mensagens, não tem?

2 comentários:

Antonio Galrinho Simões disse...

Hoje, dia mundial da criança, custa ler as dificuldades e os perigos que estas nossas crianças vivem, por opção, mas acredito que, ultrapassando esta tormenta, virão mais fortes e preparados para a adversidade.

Raquel A. disse...

Mesmo! :)